You Are Reading

5

Mistério: Atentado a bomba deixa um basculante quebrado em Condomínio no Rio de Janeiro.

Pedro Costa sexta-feira, 9 de julho de 2010


Se vocês pensavam que eu fosse escrever algo sobre o “Caso Bruno” ou sobre a final da Copa do Mundo ou até mesmo das Eleições Presidências que se aproximam, enganaram-se.
Bom, atos de vandalismo acontecem em qualquer lugar. Até por que, vândalos há em qualquer lugar. Não seria diferente no condomínio onde resido.  
O fato foi o seguinte: Fontes me disseram que haviam jogado uma bomba, ou um “Cabeção de nego”, não sei o nome certo, no dia do jogo entre Brasil x Chile. Como não estava em casa, não posso dizer uma palavra sobre o acontecido. Já a segunda bomba, foi um dia antes do jogo entre Brasil e Holanda.  Este sim, posso descrever o que aconteceu, pois estava em casa.
Era mais ou menos Cinco e meia da tarde, quando escuto estrondo filho da puta proveniente da “passagem de ar” (acho que é assim que se descreve) das colunas dos apartamentos.  Estava no meu quarto vendo TV. Na hora pensei que meu laptop tivesse explodido, pois pela manhã ele sofreu um leve “curto” por causa da tomada.  Meu pai, inteligente como só ele, foi o primeiro a abrir a porta e aparecer no corredor.
Acredite no que eu vou citar agora: Em menos de DOIS MINUTOS, isso mesmo, DOIS MINUTOS, praticamente todos os condôminos estavam no corredor. Obviamente  o “espírito favelístico” apoderou-se  todos ali  naquele momento. Uns diziam que iam chamar a polícia (pra quê, meu Deus?), outros acusavam filhos de outros condôminos, enfim... uma tarde digna de  Programa do Ratinho.
Mas até agora ninguém sabe quem é o meliante ou a meliante. O que há mesmo são suspeitas, nada mais. Ainda acho que isso é uma represália ao Zé (nosso digníssimo porteiro), mas isso já é outro papo.
A pergunta que vai ficar em nossas mentes por muito tempo será somente uma: "Por que não na casa da Zillah e sim na coluna citada acima?" Mas a principal, com certeza, será: "Quem jogou a bomba e por quê?
Um mistério à ser desvendado. Tanta comoção neste momento que quase me senti o Sílvio de Abreu.
Até a próxima bomba. Melhor dizendo, capitulo. 

*Sobem os crédtos*




That's all, folks!
 

5 comentários:

Sílvia R Ponto Avellar disse...

"Ainda acho que isso é uma represália ao Zé (nosso digníssimo porteiro) (...)"
Rachei aqui com essa frase, JESÚÚÚÚS ! HAHAHAHAHAHAHA'
Mas represálias, atentados e vandalismos à parte, venho cá dizer-lhe Pedroquinha Magriça, que gosto muito dos seus textos e aguardo mais !
Um beijão !

Livs disse...

Adorei este post *-* Confesso que ri muito, ainda mais com sua maneira de descrever isso tudo, amei ♥

Maria Júlia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Júlia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Júlia disse...

Síndia aguarda novos contatos e fofocas dos condôminos. Um bando de fdp que não tem mais o que fazer UAHSUHSUAHSUAH
SE CUIDA SEU ZÉ!

Postar um comentário

 
Copyright 2010 Qualquer Coisa